quarta-feira, 29 de junho de 2016

Informática: Sem saber, americana joga fora computador da Apple de US$ 200 mil

Uma empresa de reciclagem do Vale do Silício procurava uma mulher que se desfez de um dos primeiros computadores da Apple, sem saber que se tratava de uma peça de valor.
A máquina foi adquirida por um colecionador por US$ 200 mil. A mulher não deixou seu nome, nem pediu recibo, quando deixou na Clean Bay Area uma caixa de papelão com os objetos que não queria mais, noticiou a imprensa americana. Segundo funcionários da empresa de reciclagem, a mulher disse querer se desfazer das peças, após a morte do marido. 

O conteúdo da caixa foi avaliado algumas semanas depois e, então, descobriu-se o pequeno tesouro: um Apple I, modelo da primeira geração de computadores fabricados por Steve Wozniak, quando trabalhava para a Apple com seu cofundador, Steve Jobs, em uma garagem, em 1976. Só foram fabricadas umas 200 unidades do Apple I, que se transformaram em objetos de desejo para os apaixonados pela história da Informática. A empresa de reciclagem explicou que espera encontrar a misteriosa doadora, em respeito à política da companhia em dividir com os ex-donos metade da receita obtida com a revenda dos objetos.
Fonte: TERRA
A Ângelo Informática é uma empresa que presta serviços e informações. 
A loja fica na rua José Olegário de Barros, 650, Vila das Graças, Taubaté/SP. 
Tel.: (12) 3424-1633 / 3424-1634 / 3426-7663


👉👉👉 Conheça o Insta da Tal Revista: AQUI
👉👉👉 Conheça a fanpage da Tal Revista: AQUI
👉👉👉 Conheça o Youtube da Tal Revista: AQUI

terça-feira, 28 de junho de 2016

Prepare-se para o inverno

Confira algumas dicas para se prevenir de doenças que chegam junto com a estação mais fria do ano 

Junto com o inverno chegam também algumas doenças típicas da época mais fria do ano. A queda de temperatura e as mudanças de tempo acabam forçando as pessoas a ficarem em ambientes mais fechados e pouco arejados, o que favorece a proliferação de vírus e bactérias que são responsáveis pelas doenças respiratórias.

O ponto preocupante são as pessoas mais propensas a adquirir estas doenças, como as crianças e os idosos, ambos pelo comprometimento da imunidade.

“Por conta disso, doenças comuns como resfriado, por exemplo, aparecem com mais frequência nessa época do ano. Os sintomas do resfriado podem ser confundidos facilmente com os sintomas da gripe, porém se diferenciam pelo tempo da doença e pela febre alta que aparece no caso da gripe. Os sintomas em comum são nariz entupido e escorrendo e dor no corpo, que varia de pessoa para pessoa”, explica Norma Beatriz de Mattor Araújo, docente de enfermagem do Senac Taubaté.

A bronquite também é uma doença bastante comum no inverno. Quando ela ataca, ocorre a dificuldade da passagem de ar até o pulmão, gerando tosse seca com chiado, podendo progredir com catarro, além de febre alta, dor no peito e nas costas. “No caso da bronquite, normalmente se trata com medicação para dor, febre e antibiótico e hidratação oral”, completa a docente.

É importante ficar atento a estas doenças, pois se não tratadas adequadamente, podem evoluir para uma pneumonia, podendo, em casos graves, ter a necessidade de internação hospitalar e uso de oxigênio.

Outras doenças comuns nesta estação são:
Amidalite: inflamação na garganta, com dor local, mau hálito e febre;
Rinite: inflamação do nariz, ocorrendo espirros, nariz entupido, escorrendo e coceira;
Sinusite: inflamação dos seios da face, gerando dores de cabeça, pálpebras inchadas, dores no fundo dos olhos, e nariz estupido e escorrendo;
Asma: inflamação dos pulmões e das vias respiratórias, apresentando tosse seca seguida de chiado, cansaço, falta de ar e dificuldade para falar e realizar tarefas simples devido o desconforto em respirar.

O tratamento dessas doenças deve ser feito por medicação, sempre prescrita por médicos e nunca por automedicação. Porém, é sempre possível se prevenir com alguns hábitos simples e eficazes, como:
Ambientes limpos e arejados;
Lavagem das mãos e uso de álcool em gel constantemente;
Higiene do corpo e da boca diariamente;
Hidratação oral;
Evitar ambientes fechados e aglomerados;
Tomar as vacinas oferecidas pelo Ministério da Saúde;
Prática de atividades físicas com acompanhamento médico;
Alimentação com nutrientes necessários ao sistema imunológico.

Uma alimentação correta e balanceada pode ajudar e muito a prevenir diversas doenças citadas acima. Roberta Calcanhoto, docente de nutrição do Senac Taubaté, explica que é importante manter sempre o sistema imunológico fortalecido, não somente no inverno. “Para isso, uma alimentação equilibrada é essencial. Devemos sempre consumir frutas, verduras e legumes que são ricos em vitaminas e minerais, substâncias fundamentais (como vitamina C, zinco, ômega 3 e ácido fólico) para que nossas defesas estejam sempre em alerta”, conta Roberta.
Mas se a pessoa já está doente, uma boa opção para auxiliar na recuperação são os chás. “Para obtermos o melhor das propriedades terapêuticas das ervas, o melhor método de preparo é, para cada 1 litro de água, adicionar 1 colher de sopa da erva. Assim que a água ferver, acrescente a planta e deixe ferver por apenas 3 minutos. Apague o fogo e abafe a infusão. Como ainda as toxicidades das ervas estão sendo desvendadas, para evitar complicações, tome no máximo 3 xicaras por dia”, dá a dica a docente.

Chá de Gengibre (aumenta a imunidade)
1 ½ litro de água
2 colheres (sopa) de gengibre
1 rodela de limão
Cravo
Canela
Coloque os ingredientes na água e deixe ferver pelo período de 15 minutos. Coe e, se preferir, adoce com mel.

Sopa de Lentilha (rica em zinco, aumenta a imunidade)
1 cebola picada
Sal q.b.
6 colheres (sopa) de óleo de soja
3 batatas grandes
5 cenouras médias
1 talo de salsão
2 dentes de alho
Pimenta-do-reino q.b.
500g de lentilha
2 ½ litros de água

Cozinhe a lentilha em panela de pressão com água suficiente, sem excessos e escorra. Descasque as cenouras e as batatas. Leve ao fogo uma panela com óleo, cebola e alho e frite-os por 1 minuto. Corte as cenouras e batatas em pedaços grandes e pique o salsão em pedacinhos. Junte os 3 ingredientes à fritura e deixe refogando por 3 minutos. Adicione 1 litro e meio de água fervente. Tempere com sal e pimenta e deixe cozinhar, em fogo brando, em uma panela tampada. Assim que a batata estiver cozida, acrescente a lentilha escorrida, mexendo bem e deixe cozinhar por 10 a 15 minutos. O caldo da sopa ficará reduzido, porém denso. Sirva bem quente.

O Senac Taubaté oferece em sua programação inúmeros cursos nas áreas de saúde e bem-estar e também em nutrição. Confira alguns deles:

Saúde e bem-estar
Técnico em Enfermagem
Assistência de enfermagem no tratamento de feridas
Cálculos aplicados ao preparo e administração de medicamentos
Eletrocardiograma: boas práticas na realização do procedimento
Interpretação de exames de sangue
Prevenção e atendimento à PCR em crianças hospitalizadas
Qualidade e eficiência na coleta de sangue

Gastronomia e Nutrição
Atuação do Consultor na Área de Segurança dos Alimentos
Cardápio de Inverno
Iniciação à Gastronomia para Nutricionistas

Serviço:
Senac Taubaté
Endereço: Rua Nelson Freire Campello, 202, Jardim Eulália
Informações: (12) 2125-6099 | www.sp.senac.br/taubate 

segunda-feira, 27 de junho de 2016

Dica de Beleza: O óleo de argan é mais eficiente na hidratação dos cabelos?

É uma hidratação poderosa, pois é riquíssimo em nutrientes e dá muito brilho aos fios. Além disso, ao contrário das outras hidratações, os resultados podem durar até mais de 30 lavagens. O óleo é rapidamente absorvido pelo fio e não deixa resíduos gordurosos. Ele é extraído das amêndoas da árvore marroquina Argania e tem ações anti-frizz e de restauração fundamentais para manter a vitalidade capilar em tempos mais secos como o outono e inverno. Ele deixa os cabelos hidratados e disciplinados e sem provocar oleosidade excessiva. 
Érica Tuan é Personal Hair do Salão "Beleza em Três Tons"Está com alguma dúvida? O telefone do salão é (12) 99170-4464. 

Espero que tenham gostado. Em breve mais dicas de beleza!!! 

👉👉👉 Conheça o Insta da Tal Revista: AQUI
👉👉👉 Conheça a fanpage da Tal Revista: AQUI 
👉👉👉 Conheça o Youtube da Tal Revista: AQUI

QUALIDADE DE VIDA: "As quatro lições que aprendi me esforçando para sair do trabalho todos os dias às 17h"

Afinal, fazer hora extra não é sinônimo de eficiência! 
O especialista em gestão de talentos, Richard Moy, sempre pensou que sair do trabalho às 17h era coisa do passado. Até mesmo nos dias em que já tinha terminado suas tarefas, ficava até mais tarde — só para não pegar mal. Mas aí, mudou para seu emprego atual: uma plataforma online de discussão para programadores. Lá, notou que a maioria dos seus colegas deixavam o escritório no horário regular. Apesar de o hábito parecer estranho para ele, Richard resolveu tentar por uma semana. A experiência foi tão transformadora que ele compartilhou o que aprendeu no site americano The Daily Muse, dedicado a dicas de carreira. Confira:

1. Sim, sair no horário demanda esforço. "Ninguém vai na minha mesa e diz: 'Rich, feche o notebook. É hora de ir para casa'. Isso significa que eu tenho de me esforçar para que isso aconteça." Para começar, ele acionou uma notificação para todos os dias em sua agenda do Google, dizendo "Vá para casa, você pode". Ele sugere ser criativo. Você pode pedir para um amigo te dar um toque às 16h45, assim já vai resolvendo as últimas tarefas. 

2. Eu tinha de trabalhar mais durante o dia. Quando conseguiu se acostumar com a ideia de que deixaria sua mesa às 17h, Richard se deu conta de que teria bem menos tempo para fazer tudo que tinha planejado. Com isso, precisaria otimizar o tempo em que estaria no escritório. "Isso significava fazer menos pausas para o café, cortar algumas conversas e concentrar-me mais. Esse impulso extra foi um ajuste maior do que eu pensei". No fim das contas, ele diz ter se sentido mais produtivo do que antes. 

3. Aproveitei meu novo tempo de sobra mais do que imaginei. "Você pode não estar cansado, você pode amar o seu trabalho, mas quando tem a flexibilidade de sair da sua mesa na hora, vai perceber como é bom ter uma ou duas horas a mais para você mesmo", diz Richard. O tempo que ganhou o ajudou a conversar mais com sua esposa, em vez de simplesmente se jogar no sofá para ver televisão. Com mais tempo no meio da semana, Richard também conseguiu usar o fim de semana para outras atividades — como treinar para meia-maratona de que vai participar.
 


4. Percebi que o mundo não vai desabar se eu deixar alguma coisa para amanhã. "Essa é uma lição difícil de perceber até que você comece a sair na mesma hora todos os dias". Richard não passou a perder prazos ao sair às 17h, o que fez foi olhar com mais rigor para sua lista de tarefas. Ele percebeu que tinha o "hábito terrível" de querer zerar a caixa de entrada do e-mail. "O problema, especialmente perto do final do dia, é que você nunca vai chegar lá. Haverá sempre mais mensagens que chegam. (...) A verdade é que poucas coisas são tão urgentes assim." Sair do trabalho às 17h era tão estranho para Richard que, depois da primeira semana, acabou voltando a escorregar. Ainda assim, a experiência, segundo ele, fez com que percebesse mais atentamente sobre quanto tempo gastava sentado na sua mesa.

Fonte: G1

Esta foi uma DICA da Quality Assessoria Contábil para a TAL REVISTA.
Serviço:
Quality Assessoria Contábil - Taubaté/SP
Site: 
www.qualitycontador.com.br / Email: fredericoquality@gmail.comTel.: (12) 3621-8298

domingo, 26 de junho de 2016

Robô que tira siso... Onde a Odontologia irá parar?

Pela primeira vez na história, a extração de um dente do siso foi executada por um robô.
A operação foi realizada com sucesso pelo robô “Alla Dente”, em uma clínica em Tóquio, em um homem de 55 anos. 

“Estamos muito satisfeitos com o Alla Dente. Sabíamos que o software era perfeito e conhecíamos sua capacidade de executar uma missão tão delicada como a extração do dente do siso, que foi bem sucedida”, comentou Ishaki Morakuni para o Jornal Dentistry.
Sobre a ADORE: É uma clínica odontológica multidisciplinar focada em oferecer tratamentos completos e personalizados, que priorizam a conexão entre a estética e funcionalidade. Áreas relacionadas como Fisioterapia e Nutrição estão integradas em nosso portfólio de serviços, para produzir tratamentos de alta qualidade, bem estar e longevidade de resultados. 
Conectados com os mais modernos conceitos em unir ciência a sensibilidade artística e tecnologia a um espaço físico bem planejado, a ADORE nasce para transformar sua experiência com a Odontologia. 

Serviço: 
ADORE DENTAL STUDIO
Rua Frei Modesto Maria de Taubaté, 154, Jardim Santa Clara, Taubaté - SP
Tel.:(12) 3622-1103

sábado, 25 de junho de 2016

Editorial de MODA

A TAL Revista fez questão de publicar o Ensaio fotográfico de Bruna Lisboa
Ela veste Marina Hot e, nos pés, Melissa! 
Arrasaram!
Fotos de Marcos Castilho




👉👉👉 Conheça o Insta da Tal Revista: AQUI
👉👉👉 Conheça a fanpage da Tal Revista: AQUI 
👉👉👉 Conheça o Youtube da Tal Revista: AQUI

sexta-feira, 24 de junho de 2016

Coluna DO ÚTIL AO FÚTIL - "Novos talentos estão pintando em Taubaté"

Parabéns à turma que está se formando na Escola de Artes Maestro Fêgo Camargo, de Taubaté/SP!
No dia 16/06 fui conferir o talento desses alunos... e eles realmente me surpreenderam, mostrando talento e brilhando na apresentação da peça "A Fortuna do Nono".

DICA: O legal é que essa Trupe não vai ficar só com essa apresentação, não! No próximo dia 05/07, eles irão nos presentear com o espetáculo "Sala 17". Bora lá, gente?
Um beijo da Gloss.
👉👉👉 Conheça o Insta da Tal Revista: AQUI
👉👉👉 Conheça a fanpage da Tal Revista: AQUI 
👉👉👉 Conheça o Youtube da Tal Revista: AQUI

domingo, 19 de junho de 2016

CLÍNICA CAIF EM TAUBATÉ É DESTAQUE NO JORNAL "O VALE"

Com mudança de pensamento, paciente tem alta em três meses!

Claro que o jornalista André Leite, do renomado Jornal O VALE (São José dos Campos), daria uma página inteira para escrever sobre esse assunto de extrema importância, a saúde psicológica. Sobretudo, falou sobre a linha da Terapia Cognitiva Comportamental, que está em alta, por obter resultados extremamente satisfatórios e muito mais rápidos. A dica da vez é a profissional Patrícia Coelho, da Clínica CAIF, de Taubaté/SP. Segue matéria na íntegra:
Clínica CAIF - "Clínica de Atendimento Integrado à Família" 
Profissionais e serviços prestados: 
- Psicologia; 
- Especialista em Transtorno Alimentar; 
- Especialista em Terapia Cognitiva; 
- Laudo para Cirurgia Bariátrica; 
- Avaliação psicológica; 
- Avaliação para Porte de Arma 

Serviço: 
Centro Empresarial Pedra Negra 
Rua Barão da Pedra Negra, 500 - Sala 13/1º Andar - Centro, Taubaté - SP 
Tel.: (12) 3631-8475‬

👉👉👉 Conheça o Insta da Tal Revista: AQUI
👉👉👉 Conheça a fanpage da Tal Revista: AQUI 
👉👉👉 Conheça o Youtube da Tal Revista: AQUI

sábado, 18 de junho de 2016

Coluna DO ÚTIL AO FÚTIL - "Rio de Janeiro no Inverno "

Eu amava escrever para a Revista TAL impressa e, por isso mesmo, estou muito empolgada de ter minha coluna de volta (não a vertebral), nas versão online da TAL. Acho que blog é extremamente dinâmico e legal de seguir. Espero que gostem da minha primeira dica.
Pensei no Rio e nesse inverno... 
Talvez você não fique muito apetecida de entrar no mar nesse frio, não é mesmo? Então, uma dica que dou pra quem está no Rio, é dar um pulinho da Praça XV e curtir as atividades noturnas, além de dar um Pit Stop na Estátua do General Osório pra tirar uma onda. Você conseguirá, ainda, ouvir um som dos artistas alternativos ao ar livre.
Depois me conta!

👉👉👉 Conheça o Insta da Tal Revista: AQUI 
👉👉👉 Conheça a fanpage da Tal Revista: AQUI 
👉👉👉 Conheça o Youtube da Tal Revista: AQUI

sexta-feira, 17 de junho de 2016

Burger King é acusado de crueldade animal

Fórum Animal realiza: Protesto #PeloFimDasGaiolas na cadeia do Burger King

Você sabia que o Burger King serve comida produzida por animais que são forçados a passar toda a vida trancados em gaiolas tão pequenas que eles mal podem se mover? Você consegue imaginar ser forçado a viver numa gaiola onde você não pode andar, esticar seus braços e pernas e sem ter liberdade para fazer as coisas que mais gosta? É exatamente assim que esses animais são forçados a viver. 



Na América Latina e no Caribe, assim como no Brasil, a maioria das galinhas usadas para produzir ovos são confinadas em gaiolas de metal, onde elas não podem sequer andar ou esticar suas asas. E as porcas reprodutoras passam praticamente suas vidas inteiras em gaiolas de gestação, que as impedem de se virar ou dar mais do que um passo para frente ou para trás. 

O Burger King já disse não para essas gaiolas cruéis nos Estados Unidos, mas não na América Latina e no Caribe. O Burger King deve ser coerente e tratar os animais melhor em todos os lugares. Junte-se a nós e peça que o Burger King pare de aprisionar animais em gaiolas no Brasil, América Latina e Caribe. Assine AQUI


Os animais não têm voz, mas nós podemos falar por eles. Nós podemos fazer uma enorme diferença ao assinar esta petição e compartilhá-la com amigos por meio de e-mails, Facebook e Twitter. A REVISTA TAL APOIA ESSA IDEIA!

No final de maio, nossos ativistas protestaram em frente ao Burger King da avenida Faria Lima em São Paulo, contra a prática de seus fornecedores de manter galinhas e porcas em gaiolas minúsculas, por toda a vida. 

Com uma porca inflável de três metros de altura, chamamos a atenção de quem passava pelo local. Um ativista usava máscara do rosto do bilionário Jorge Paulo Lemann, um dos donos do Burger King, e simulou o gesto que solicitamos: ele libertou da gaiola o outro ativista, que vestia roupa de galinha, e arrancou palmas de quem assistia. 
Lemann é o homem mais rico do Brasil e um dos donos da 3G Capital, fundo de investimentos que controla o Burger King em nível global. 

Desde outubro do ano passado o Fórum Animal vem cobrando o Burger King por meio de uma petição online, lançada com mais oito ONGs latinas. Agora, depois do protesto, a empresa deu uma declaração vaga à mídia dizendo que se importa com os animais, mas ainda não declarou o fim das gaiolas. Precisamos agir para que eles saibam que não vamos ser enganados com afirmações que não significam nada!!!

Se ainda não assinou, clique AQUI

👉👉👉 Conheça o Insta da Tal Revista: AQUI 
👉👉👉 Conheça a fanpage da Tal Revista: AQUI 
👉👉👉 Conheça o Youtube da Tal Revista: AQUI

quarta-feira, 8 de junho de 2016

E a Coluna DO LIXO AO LUXO, da Personal Stylist Glória de Castro, está de volta!!!

Ela é descolada, inteligente, carioca e com alma de artista...estamos falando da super alto astral e socialite Glorinha, como é conhecida na região onde reside há mais de 10 anos, o Vale do Paraíba. 

Viajada que é, ela nos dará dicas de todo território nacional, a respeito de Moda (seu forte!), de lugares descontraídos e modernos, e de comidinhas irresistíveis...
Aguardem novidades na semana que vem, AQUI no blog da Tal!


👉👉👉 Conheça o Insta da Tal Revista: AQUI 
👉👉👉 Conheça a fanpage da Tal Revista: AQUI 
👉👉👉 Conheça o Youtube da Tal Revista: AQUI

sábado, 4 de junho de 2016

ALERTA: Mudança no CNPJ facilitará cobrança judicial

Quality Assessoria Contábil, escritório da cidade de Taubaté/SP, faz alerta em sua fanpage: "Fique Atento!!! Mudança no CNPJ facilitará cobrança judicial"

Brasileiros muitas vezes utilizam empresas estrangeiras para esconder patrimônio de credores. Advogados explicam que brasileiros muitas vezes utilizam empresas estrangeiras para esconder patrimônio de credores, mas entendem que esse tipo de prática pode estar com dias contados.

Uma alteração no regulamento do Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas (CNPJ) está colocando em xeque o que se conhece no mercado como blindagem patrimonial e deve facilitar muito a cobrança de dívidas - sejam as tributárias ou as de natureza privada.

A alteração está na Instrução Normativa 1.634 da Receita Federal, publicada no último dia 9, que obriga empresas estrangeiras a identificarem seus controladores ou beneficiários finais a partir de 2017. De acordo com o sócio do Vinhas e Redenschi Advogados, Marcos André Vinhas Catão, na prática a medida impede que brasileiros usem empresas no exterior para esconder patrimônio.


Em muitos casos, ele conta que se montam estruturas "em looping". Ou seja, o próprio brasileiro cria uma empresa ou uma cadeia de empresas no exterior para que esta detenha bens no Brasil. Com isso, seria possível despistar grande parte dos credores e inclusive o fisco.

Mas agora, Catão explica que o CNPJ não está pedindo mais apenas a identificação do acionista direto da empresa estrangeira que pretende atuar no Brasil, mas sim a cadeia completa de empresas e inclusive os beneficiários finais.

Tais informação deverão ser incluídas no chamado Quadro de Sócios e Administradores (QSA) da empresa, que segundo ele é uma das primeiras fontes de informações que a Justiça utiliza na procura de bens do devedor para a realização de penhora on-line. "Se o beneficiário final não for informado pode ocorrer até a suspensão do CNPJ, que bloqueia o acesso ao sistema de nota fiscal e impede a empresa de faturar", afirma ele. 

O sócio do BGR Advogados, Fabio Gentile, também entende que a normativa será uma ferramenta muito relevante para cobranças. Ele, que atua na recuperação de créditos dados como perdidos, diz que em muitos é possível identificar que o devedor é dono de um determinado bem, mas ao checar os documentos se descobre que o patrimônio está em nome de empresa estrangeira. "Muitas offshores são constituídas para blindar o patrimônio", explica o advogado.

O impasse seria que provar na Justiça o vínculo entre o devedor e a empresa estrangeira às vezes é uma tarefa quase impossível. "Essa normativa vai resolver um problema enorme. Haverá elementos para que o juiz libere informações prestadas à Receita Federal a respeito do beneficiário final", reforça Gentile.

As consequências da normativa sobre a cobrança de dívidas e a blindagem patrimonial ainda estão passando despercebidas porque, num primeiro momento, as mudanças foram anunciadas como medida anticorrupção, observa Catão. Nesse sentido, identificar os donos de offshores ajudaria as autoridades a rastrear pistas de propina.

Segundo Gentile, outra informação importante sobre a normativa é que a obrigação de identificar os donos das empresas estrangeiras já tinha sido objeto de pelo menos dois projetos de lei, o 5.696/2009 e o 1.573/2015. A proposta mais antiga chegou a ser aprovada pela Câmara dos Deputados, mas teve parecer desfavorável no Senado Federal.

O então senador Francisco Dornelles (PP-RJ), ex-secretário da Receita Federal, emitiu parecer em 2013 no sentido de que a medida não precisaria ser alvo de projeto de lei. "Não se deve incluir na legislação regras sobre aspectos técnicos muito específicos, que vêm sendo objeto de regulamentação por órgãos do Executivo."

👉👉👉 Conheça o Insta da Tal Revista: AQUI
👉👉👉 Conheça a fanpage da Tal Revista: AQUI
👉👉👉 Conheça o Youtube da Tal Revista: AQUI

sexta-feira, 3 de junho de 2016

Descubra as maravilhas do comando “colar especial”

Atalho simples, e quase universal, acaba com o problema de texto copiado da web que vem com fontes, cores ou tamanhos estranhos 

A maioria dos usuários sabe como usar os comandos Recortar/Copiar/Colar. Eles existem desde os primeiros processadores de texto, e são universais em praticamente qualquer aplicativo Windows, incluindo o próprio sistema. 
Só pra lembrar: selecione o texto com o mouse, tecle Ctrl+X para recortar ou Ctrl+C para copiar, mova o cursor para onde quer colocar o texto e tecle Ctrl+V para colar. 

O que poderia ser mais simples?
Na verdade, se você está recortando ou copiando texto de uma página web as coisas podem ficar um pouquinho complicadas. Isso porque, embora pareça que você está apenas copiando um bloco de texto, você também está levando junto o "código HTML" associado, responsável pela formatação. Como consequência, quando você cola seu texto em um processador de textos, ferramenta de blog, software de editoração eletrônica ou coisa parecisa, pode acabar com texto em fontes, tamanhos ou cores estranhos. E pode ser trabalhoso corrigir isso, especialmente o espaçamento entre linhas, indentação, etc, já que o código HTML “embutido” com o texto pode ser bastante extenso (e, às vezes, conflitar com os ajustes de seu processador de textos ou aplicativo, causando todo tipo de problemas). 


O que você precisa é de uma forma de “colar” só o texto que copiou, texto puro, não modificado e sem qualquer tipo de formatação acompanhando. 

Felizmente ela existe, e se chama “Colar Especial”!!!A maioria dos processadores de texto, clientes de e-mail e ferramentas de blog tem esta opção ou algo parecido (às vezes ela é chamada “Colar como texto sem formatação”). Basta dar uma olhada no menu Editar e você deve vê-la junto ao comando Colar. 

Prefere um atalho de teclado? 
Sem problemas, a combinação quase universal é Ctrl+Shift+V. Há algumas exceções: no Word em português, por exemplo, o atalho é Ctrl+Alt+V
Não importa a forma, use este recurso e pare de perder tempo “limpando” texto, sua sanidade agradece. 

A Ângelo Informática é uma empresa que presta serviços e informações. 
A loja fica na rua José Olegário de Barros, 650, Vila das Graças, Taubaté/SP. 
Tel.: (12) 3424-1633 / 3424-1634 / 3426-7663
👉👉👉 Conheça o Insta da Tal Revista: AQUI 
👉👉👉 Conheça a fanpage da Tal Revista: AQUI 
👉👉👉 Conheça o Youtube da Tal Revista: AQUI

quinta-feira, 2 de junho de 2016

MRV ENGENHARIA REALIZA COMPENSAÇÃO DE TODAS SUAS EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA

Iniciativa permitirá apoio a projetos sustentáveis por meio do Programa Amigo do Clima

Por meio do apoio a projetos sustentáveis e de mitigação de gases de efeito estufa (GEE) nos diversos estados de sua atuação e também na Amazônia, a MRV Engenharia vai realizar a compensação de 100% de suas emissões de GEE diretas e indiretas pelo consumo de energia referente ao ano de 2015, sob seu controle. Além disso, a construtora também garantiu novamente sua entrada no Programa GHG Protocol, programa aderido no ano passado e que tem como objetivo estimular a cultura corporativa para a elaboração, publicação e verificação externa de inventários de emissões de gases do efeito estufa (GEE). No total, foram 22.938,94 tCO2e compensados no Escopo 1 (emissões diretas da operação) e Escopo 2 (emissões indiretas pelo consumo de energia elétrica). A compensação das emissões será realizada no âmbito do Programa Amigo do Clima que confere transparência e rastreabilidade à ações de compensação utilizando créditos de carbono de padrões internacionais como o Mecanismo de Desenvolvimento Limpo (MDL) vinculado ao Protocolo de Quioto da ONU ou o VCS - Voluntary Carbon Standard, principal padrão de compensação do chamado Mercado Voluntário. Entre os projetos escolhidos, pode-se citar a substituição de combustíveis fósseis, a geração de energia renovável hidroelétrica e por meio da utilização de biomassa como bagaço de cana, resíduos florestais e biogás, a captura e queima do metano em aterro sanitário e em granjas de suínos e a redução das emissões do desmatamento e da degradação florestal (REDD) na Amazônia. Segundo o presidente da companhia, Eduardo Fischer as novas marcas atingidas pela companhia na esfera da sustentabilidade refletem um trabalho intenso da construtora para realizar ações em prol do meio ambiente e sociedade de forma responsável e transparente, alinhada às melhores práticas do mercado internacional. “Além disso nos preocupamos em concentrar os esforços para atingir de forma positiva as regiões que são diretamente relacionadas ao nosso negócio”, completou. 

MRV Sustentável 
Alinhada à ação de compensação global das atividades da companhia a MRV Engenharia também compensou integralmente as emissões dos gases de efeito estufa referentes ao website MRV Sustentável (www.mrv.com.br/sustentabilidade) durante o ano de 2015. Foram compensados 500 KgCO2e por meio do apoio ao projeto de conservação florestal e reflorestamento da Mata Atlântica do Instituto Terra na Fazenda Bulcão, localizada em Aimorés (MG). 

A MRV Engenharia 
Fundada em outubro de 1979, em Belo Horizonte, a MRV Engenharia é líder nacional no mercado de imóveis econômicos. Em 36 anos de atividades, vendeu mais de 275 mil unidades. É a única construtora brasileira presente em mais de 140 cidades de 20 Estados e no Distrito Federal. Em 2015 a companhia vendeu 35.872 unidades e lançou 31.814 imóveis.



quarta-feira, 1 de junho de 2016

Mais uma obra prima do autor Jorge Fornari: "O Executivo na Essência" - Lançamento imperdível em SP e no RJ

Gestor, consultor, professor, músico e autor do livro "A Terceira Competência", Jorge Fornari lança nesse mês "O Executivo na Essência", obra que escreveu a partir do seguinte pensamento: "Por mais esforços que uma pessoa faça para desenvolver suas competências, há sempre um potencial negativo dentro de si, pronto para derrubá-la".

Estou extremamente curiosa para ler, pois, além de um primo querido e que sempre pude contar com o carinho e apoio, Jorge é uma pessoa pela qual tenho muita admiração. Seu olhar sobre o mundo é sempre um conselho a ser dado, seu modo visionário nos inspira! Sabe aquele cara bem humorado e que, quando você precisa, tem sempre a palavra certa? É ele.

Estive com a TAL Revista cobrindo uma de suas palestras, há uns anos, aqui em São José dos Campos, e sempre me lembro da frase que ele colocou para ilustrar uma história motivadora: “O entregador de impostos, que sonhava em ser músico e chegou a diretor”. Claro que no momento em que ele disse ser sua própria história de vida, o público se emocionou e aplaudiu. Eu fiquei orgulhosa. Aliás, "chegou a diretor” de grandes organizações, como "Johnson&Johnson", "American Express", "Claro", "Brasil Telecom", "Rede TV" e "HROil". Já imaginaram se esse novo livro é bom? Corram!

Nossa revista deseja sucesso sempre!
Por Karina Sbruzzy.


LANÇAMENTO DO LIVRO "O Executivo na Essência":

São Paulo
Data: 13 de Junho de 2016

Horário: 19h00
Local: Livraria Cultura (do Shopping Iguatemi)


Rio de Janeiro
Data: 27 de Junho de 2016
Horário: 19h00
Local: Livraria da Travessa (do Shopping Leblon)

Palavras do Autor
"O livro sintetiza descobertas e hipóteses sobre como a evolução da espécie humana nos aparelhou para formar a sociedade em que vivemos, mas, principalmente, como somos induzidos a respostas que damos em nosso dia a dia que atrapalham nosso autodesenvolvimento e modelam nossos ambientes de trabalho criando selvas que libertam nossos piores animais internos. Esse livro é um convite a descortinar as origens de nossos lados ocultos e irracionais, fúteis e desnecessários, frutos de uma evolução que ou não deu certo, ou ainda não acabou. 

Foi assistindo a uma palestra motivacional que me caiu a ficha e percebi que, por mais esforços que uma pessoa faça para desenvolver suas competências, há sempre um potencial negativo dentro de si, pronto para derrubá-la. ​Cheguei mesmo a pensar que era um problema só meu, mas depois, examinando bem, vi muita gente competente que por uma atitude impulsiva, descontrolada e impensada, colocou em risco sua carreira, seus relacionamentos e tudo de bom que havia conquistado. Em meio a tais pessoas estavam colaboradores e gestores, e entre os mais evidentes estavam executivos, governantes, médicos e atletas. Gente que fez da vida profissional uma gangorra, na qual o sucesso e suas melhores competências pudessem ser derrubadas por apenas um comportamento, uma incompetência. ​Mas por que somos e agimos assim? O que nos impede de sermos melhores pessoas e gestores? Com essas questões em mente agi como um jornalista e pesquisador em busca de pistas e, numa viagem de quatro anos encontrei perspectivas muito diferentes e interessantes. Percorri a história, a religião e a filosofia e percebi que elas são mais efeitos do que causa de nossos problemas. Foi somente quando comecei a pesquisar as questões genéticas decorrentes da evolução da espécie humana, que um novo cenário se apresentou e comecei a tocar nas raízes da nossa maneira de ser, e compreendi melhor de onde vêm nossos piores comportamentos."

Conheça o site do AUTOR: jorgefornari.com.br

Conheça o site do AUTOR: jorgefornari.com.br